Carta para meu eu do futuro

14/11/2016

Para: Eu
De: Mim mesma 

Oi Natália,

Vim do passado, um lugar chato onde ainda não existem carregadores sem fio (espero que aí no futuro eles existam, porque, mais cedo ou mais tarde, a gente vai acabar quebrando o computador de tanto tropeçar nos fios que a gente liga nele). 

Por que eu estou escrevendo essa carta? Bom, primeiro porque parecia uma boa ideia e segundo porque é sempre bom receber um recado de quem gosta da gente. E não podia ter momento melhor pra escrever, porque nós estamos passando por um momento de muitas mudanças e uma delas é que a gente se gosta agora. Pois é, até os palavrões e aquela péssima mania de descascar o esmalte recém passado. Eu, aqui no passado, ainda não consegui gostar dos mini peitos, mas você, aí do futuro, já gosta deles, né? Me diz que sim.

Desculpa pela pressão, mas eu espero muitas coisas de você. Espero que você tenha terminado a faculdade (porque agora parece que não vai acabar nunca), que você tenha feito amigos de verdade, daqueles que compartilham os mesmos gostos e que gostam da presença um do outro, ao invés daqueles amigos por conveniência, do famoso "já que estamos aqui, porque não vamos ser amigos?". Eu sei que isso parecia muito legal, sociável e educado naquele passado bem antes de mim, mas era bem supervalorizado. Também espero que você tenha encontrado o amor. Se não for por um ser humano, que seja pelos nossos 8 gatos (Santa Maria, Pinta, Nina, Agatha, Billie, Brandon, Poe e Steve).

Quero que você me diga que conseguimos mudar a nossa alimentação e que encontramos um esporte que realmente dê vontade de praticar. E me diz que a gente faz caminhadas nas manhãs dos fins de semana e que já pegamos a estrada às três da manhã sem rumo nenhum, só pra espairecer.

Ah, e se você ainda estiver no mesmo emprego, pelo amor de @deus minha filha, saí daí. Se pra mim essa situação parece insustentável, imagina pra você que está sofrendo há tanto tempo? Arruma um emprego bacana, onde a gente possa mudar o mundo, ou pelo menos que façam a gente acreditar nessa mentira. Aliás, permita-se aceitar um pouquinho das ilusões da vida. Lembra que a vida era muito mais fácil quando a gente acreditava que o papai noel vinha entregar o presente uma semana antes, porque não dava tempo dele entregar todos os presentes em uma noite só? Não faz mal se iludir um pouquinho. A menos que a ilusão te machuque, ou que te faça ficar parada no mesmo lugar. Se for o caso, hora de encarar a realidade.

Se você ainda não tiver tatuado a palavra "joy" em algum lugar, hora de fazer isso. Se você ainda não decidiu em qual parte do corpo fazer, faz em qualquer uma mesmo. Se essa ideia ainda parecer razoável é porque é boa. E se estiver um pouco desocupada, coloca Simple Plan, Green Day, RBD, Arctic Monkeys, Avenged Sevelfold (mas não muito), Jake Bugg e The Killers pra tocar, pra relembrar os "velhos tempos".

A gente teve filhos? Se sim, grita um pouco com eles (pra não perder o costume). E depois abraça eles porque, mesmo que eles sejam uns catarrentinhos bagunceiros, ainda são uma ótima desculpa pra gastar metade do seu salário em brinquedos legais (aquele boneco do Woody que fala "tem uma cobra na minha bota" e lego dos Simpsons inclusos, eu espero).

E aquele patins, já aprendemos a usar? Aposto que não ahahahaha

Enfim, eu cometi muitos erros, mas deixei o caminho bem preparado pra você não ter que cometê-los outra vez. E, se a gente tiver cometido, espero que tenha valido a pena. Pelo menos pela diversão.

Respira fundo.

Arruma a postura.

E vai.

Beijos, do seu passado.
Esse post faz parte de um projeto do perfil @prosadecora no intagram (sigam lá, super recomendo). Daqui há uma semana eu volto pra contar se eu consegui cumprir as sete metas (não prometo nada).

Uma foto publicada por Prosa de Cora (@prosadecora) em

4 comentários:

  1. Dessa lista de metas, tenho certeza que não conseguiria dormir uma hora mais cedo :( Sobre a carta pro meu eu do passado, com certeza eu diria a minha a mesma coisa que vc: "Ah, e se você ainda estiver no mesmo emprego, pelo amor de @deus minha filha, saí daí".kkkkkkk. Já fiz uma carta pro meu eu do FUTURO que vai pro meu email daqui a 10 anos, bem legal :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também achei que não ia conseguir dormir uma hora mais cedo, mas consegui! Fiquei muito feliz kkk

      Excluir
  2. Arruma a postura HAHAHHAHAA, adorei. Eu ainda não fiz essa carta assim tão grande pra euzinha do futuro, mas já deixei alguns recadinhos por aí.

    ResponderExcluir